Como comprar livros mais barato?


Quando precisamos de um novo livro, geralmente vamos, por preguiça, diretamente ao site de nossa livraria preferida. No meu caso, é a Saraiva. No seu, pode ser a Cultura, a Submarino ou a Travessa...

Muitas vezes, no entanto, os livros que queremos ler estão caros, de modo que acabamos pensando duas vezes sobre comprá-los ou não.

É por isso que hoje vou lhe dar duas dicas para comprar livros mais baratos:

1ª) Procure em sebos:

Não há problema algum em comprar livros de segunda mão, sobretudo quando eles estão em bom estado. Além disso, eles são muito mais baratos e, pelo preço de um livro novo, você pode comprar 2 ou 3 usados.

Aliás, há livros excelentes que você não encontra mais nas livrarias tradicionais. Um exemplo é a obra "Mercadores da Noite", que encontrei na Estante Virtual, um site que reúne sebos de todo o Brasil e permite a você adquirir seus produtos sem sair de casa.

2ª) Use sites de comparação de preços:

Há cerca de uma semana, eu estava pensando em comprar o livro "Pai Rico, Pai Pobre", mas um colega me falou que seu preço, na livraria tradicional, era de cerca de R$ 75,00. Estava caro para um best-seller do mundo das finanças...

Como não sabia se o livro era bom, apesar das inúmeras indicações do , acabei baixando um PDF que encontrei no Google.

Li, adorei, e decidi comprar o livro. Mesmo assim, ainda não queria pagar os R$ 75,00... Então, fui procurar. Na Saraiva (online), encontrei o livro com um desconto de 39%, por R$ 46,80. Bom, por esse valor já dava pra comprar. Afinal, eu queria enriquecer minha pequena biblioteca e emprestar o livro para alguns amigos.

Ainda assim, não custava nada procurar um pouco mais. Foi então que decidi usar um site de comparação de preços, mais especificamente o Buscapé. E adivinhem? Encontrei o livro por menos de R$ 30,00 na Americanas, no Extra e no PontoFrio!

Resumindo: comprei um livro de R$ 75,00 por R$ 30,00, economizei 60% e agora estou aqui para lhe dar mais uma dica de economia.




Espero que aproveitem! Aliás, não deixem de conferir o artigo "Cartões de crédito: o que você precisa saber?" e o artigo "Pagar à vista ou a prazo?"

.